OS DEUSES DO FUTEBOL

Quarta-feira, 19 de junho de 2013




Foi um execelente jogo que "OS DEUSES DO FUTEBOL" puderam apreciar no amistoso de 3a-feira, dia 18 de junho, isso para dar uma primeira noo sobre o time dos 40 do Estoril neste momento, visto que j buscando iniciar a fase de preparao para a disputa de amistosos e campeonatos fora, marcou amistosos internos para avaliar em que nivel se encontra e aonde tem trabalhar para melhorar.

A primeira disputa foi at uma grata surpresa aonde a Turma do Tnis, decidiu trazer um time para uma partida aonde demonstraram uma boa aplicao ttica e um bom futebol, mais mesmo ainda em fase inicial de entrosamento conseguimos vencer bem. Destaque que neste jogo havia jogadores de 40 e 50.

Depois foi a vez de separar as turmas de 40 e 50 e fazer um amistoso, desta vez no deu nem para o chamado "cheiro" e a turma de 50 tomou de 10 a 0, isso mesmo DEZ a ZERO, tem alguns com dor de cabea at hoje (isso foi semana passada). KKKKKKKKKKK

Buscando ento um verdadeiro desafio, fomos desafiados pelos jovens de 30 para um amistoso. Desafio este aceito de imediato.

Como nestes jogos alm jogar, estou dando a chamada "cara" ao time e tenho em mente que o MAIS IMPORTANTE nas tarefas de um bom treinador escalar os jogadores nos lugares certos e definir uma maneira de jogar, no somente o esquema ttico mas tambm a postura em campo. Se vai dar certo, outra histria. H muitos fatores envolvidos no resultado de um jogo. Qualquer equipe, pequena ou grande, com ou sem craques, precisa ter identidade, uma cara, mesmo que ela seja feia e que a maioria no goste. Isso no significa que os jogadores vo fazer sempre a mesma coisa e s o que o tcnico mandar. essencial improvisar e criar disfarces para anular e surpreender o rival.

Seguindo esse principio e baseado numa maior experincia, montei um time compacto e armado para jogar no contra-ataque, ressaltando a eficincia no aspecto defensivo, visto a qualidade do adversrio e de menor idade, consequentemente melhor preparo, diga-se de passagem vierem com praticamente 2 times completos visto a quantidade atletas no banco de reservas. Trouxeram tudo que tem de INHO (Toninho, Bruninho, Mulouzinho e mais um monte), os YOs, Gabinada, Pinheirinho, Manu e mais outros. (Aqui eu vou falar podia, trazer at mais que ia dar no mesmo, SUHAUHAUHAUHSUHSUSHUAHUAHUAH)

Vale tambem ressaltar que o grande chavo do futebol de que craque resolve sozinho a partida, no futebol moderno s fato quando o time organizado e foi ai justamente aonde vendo em nossos jovens de 30 uma grande qualidade sabiamos que a organizao deles j no deveria ser a mesma coisa, pois no futebol temos de montar os chamados blocos de defesa e blocos de ataque e no caso deles pareciam j o chamado "atacar em bando e defender como der", deste jeito sempre bem armados defensivamente e procurando sempre tocar a bola, neste caso mrito ao Marcio Tognini que fez muito bem esta funo junto com o Ronald, o que propiciou ao Zagonel desse um forte chute e o placar fosse aberto e comeou o desespero deles que parou sempre diante da nossa bem postada defesa. Mais mesmo assim j no final do primeiro tempo em um lance na lateral aonde o "Toninho CISO" levou vantagem sobre o nosso promissor "Lateral Gauchinho" e cruzou para a rea e o nosso "zagueiro Tino" e o outro "Lateral Zagonel" ficaram discutindo quem tirava a bola e deixaram o adversrio cabeear livre para o gol, ficando assim no empate de 1 a 1 o primeiro tempo.

Para o segundo tempo os nossos jovens vieram numa verdadeira "blitz" e buscaram a vitria visto que empatar com a turma de 40 para ELES seria uma derrota, mais bateram sempre de frente com uma defesa bem postada e as excelentes defesas do nosso "Goleiro Neto", destaca-se que o esquema ttico de saida de bola usando a funo de piv, funcionou perfeitamente, visto que as bolas lanadas pelo Neto ou saindo tocando eram lanadas para o Jean que estava nessa funo e a bola no voltava toda hora, nisso em uma jogada de contra-ataque aonde pudemos aproximar mais o time do Jean, proporcionando um forte chute ao gol e o goleiro adversrio "Neto Mo-de-Pato" fez defesa parcial e a bola sobrou nos ps do "Grow Peruano Ruim" que s teve o trabalho de empurar para as redes, nisso o time adversrio acabou por colocar o que tinha de melhor e nem isso estava resolvendo tanto que em um chute despretencioso conseguiram o gol de empate j no apagar das luzes. Deram sorte, seno ia ficar feio mesmo. Mais o futebol tem disso, deixa a sorte com eles. Para mim o mais importante foi o bom futebol apresentado, independente da vitria. (Que diga-se passagem escapou por um fio! KKKKKKKKKKKKKK)

Agora teremos de organizar melhor a agenda, visto o tanto de adversrios querendo revanche e os adversrios de outras entidades que tambm j tem as solicitaes de amistosos encaminhadas. Mais calma que todos tero sua chance.

Mais bom se prepararem mais, por que por aqui o pessoal esta do tipo "Na ponta dos cascos"!!!! SUHAUSHUSHUSHSUHSUHSUHAUHAUAH ( nis #PROTESTANDO #VAMOSCORRERMAISGURIZADA) KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK





Postado por Olavo

Faça seu login ou crie uma conta para comentar!

0 Comentário