Copinha Semi-Final


Semana que vem a copinha chega ao fim




Dois jogos definiram os finalistas da Copinha da Madrugada neste domingo no Estoril. O empenho e dedicao desses pequenos atletas no deixa a desejar se comparados aos adultos. Que o diga Olavo, que por pouco no perde seu lugar entre os classificados para a semifinal. "Acordei 6h55, a chamada s 7h. Moro a quatro quadras daqui, vim a p" disse o jogador, que esqueceu-se de trazer chuteira, mas conseguiu uma emprestada para o segundo jogo.

Enquanto Olavo aguardava sua partida, um jogo j acontecia em campo. O primeiro gol marcado pelo time de amarelo saiu de Dudu, o pequeno Dudu. Alis, quem j viu esse menino jogando e est acostumado a assistir aos veteranos do Estoril, logo de cara percebe que o pequeno Dudu tem tudo pra ser o prximo Modesto dos gramados. Sabonete, fica na banheira s esperando pela sobra que o colocar de frente para o gol. Seu temperamento lembra muito o do craque gacho. Quando, no fim do segundo tempo, um parceiro deixa de tocar pra ele e finaliza errado, o pequeno Dudu bate no cho com a mo, chuta a terra, deita no gramado, indignado.

Seu jogo terminou empatado em 3 a 3 e foi para os pnaltis. Como o primeiro batedor do time amarelo no converteu e o aproveitamento dos de branco foi total, restou o sonho do bronze para Dudu. Aps o apito final, o juiz incentivou os jogadores "vamos l, os de amarelo cumprimentam os de branco" disse, mostrando que o futebol tambm uma ferramenta de socializao independente dos resultados. Os pais tambm diziam "parabns para as duas equipes, jogaram bem".

To logo o segundo jogo comeava, j dava pra perceber que Carol e seu irmo Daniel estavam em campo. Da arquibancada, ouvia-se o pai Daniel Esteves torcendo "vai Carol". Com os dois filhos em campo por times difetentes, Esteves estava dividido. "O jeito torcer pra empatar" brincava. Torcedor aplicado, ficou com cime quando o filho marcou e dedicou pra me que estava na piscina do clube. "! ! !"... o que fez o filho virar-se pra arquibancada e acenar tambm para o pai. "Po, ela t l tomando Sol, haha" ria Esteves.

O time de Daniel venceu o de Carol por 9 a 6. Para o menino, o resultado garante uma boa atividade semana que vem. "A Carol vai viajar com a me e no vir, o Daniel tem que ir escola, por isso no viaja e ento vai estar aqui" disse o pai.

Agora esperar uma semaninha para poder comemorar o ttulo, ou a prata.

(*) Mteria e Fotos de Andr Patroni, retirados do site: www.clubeestoril.com.br

Vejas as fotos.



Faça seu login ou crie uma conta para comentar!

0 Comentário